Quer fazer algum comentário? Entre em contato: gggraciele@gmail.com

Por que você surgiu?

Aqui estou a refletir,
Sozinha, pensando em coisas.
A noite está morna,
Aqui estou sem você.

Enquanto em pensamentos lhe abraço,
Sinto você próximo de mim.
Desejo impulsivo me consome,
Enquanto a saudade aumenta.

Vivemos nos enfrentando com “tijoladas”,
Temos a coragem de falar o que nos atormenta.
Vivemos nos contrariando
Mas, felizes serão se cedermos.

Fico a mirar-me num silêncio,
Queria muito tê-lo aqui neste instante.
Penso nos motivos de sua existência,
Reflito nos meses que juntos... Passamos.

Graciele Gessner.